Anuncios

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

O Sócio - Entendendo um pouco sobre negócios



Olá pessoal, tudo bem?

Hoje gostaria de compartilhar com vocês um programa que gosto muito, chamado "O Sócio (The profit, no nome original)".

É um programa americano, estrelado por Marcus Lemonis, que é empresário, inventor e filantropo.

Em resumo, Marcus Lemonis recebe contato de outros empresários que possuem pequenas ou médias empresas que estão passando por algum momento difícil ou alguns problemas, onde com sua experiência e poder de investimento, avalia o potencial que estas empresas possuem e as ajuda a sair dos problemas.

Ele investe tanto dinheiro, como tempo, apoio assumindo o comando da empresa até que as coisas estejam bem encaminhadas e o dono que agora passa a ser sócio possa tomar conta dos negócios e fazer com que chegue no patamar esperado.

Por se tratar de um programa de televisão é comum algumas coisas  parecerem um tanto quanto combinadas ou não muito comuns de se ver, porém, de alguma forma fazem sentido ou são próximas do que acontece no mundo corporativo real.

As empresas são das mais diversas, passando por ramos automotivos, fast food, carros, etc. Mas para todas essas o que é analisado como pontos importantes é o mercado, crescimento, demanda, estrutura, o valor que precisa ser investido e o principal que em todo programa Marcus frisa muito que são os três P's: Pessoas, Processo e Produto.

Se pegarmos essa lição ensinada pelo Marcus, muitas empresas não se preocupam com as pessoas, não possuem processos e consequentemente isso reflete no seu produto.

Pelo mundo a transmissão é feita pelo canal History, mas podemos facilmente encontrar os episódios no YouTube.

Claro que temos que levar em consideração que hoje, Marcus possui capital para tais investimentos e aguardar o retorno do investimento + o lucro com o decorrer do tempo e crescimento do negócio.
Mas podemos seguir como dica alguns exemplos, ramos de atividade e até termos algumas ideias do que podemos fazer com nossas empresas, nossos ramos de atividades e até por que não, para  quem pode fazer o mesmo que ele e ajudar a salvar empresas com potencial, mas que por algum motivo ou momento passam por problema ou dificuldades.

Uma visão de fora é sempre bem-vinda, pois essa visão muitas vezes não se prende ao sentimento de algo familiar, ou um vício de como era feito e como deveria ser feito, se atualizar perante aos avanços do mundo e a necessidade das pessoas.

Serve até mesmo para quem tem vontade de ter seu próprio negócio e talvez não saiba muito bem como começar ou como conduzir mediante à números, fluxos, custos e lucro.
Para todos, uma coisa muito importante e que tem que estar na ponta da língua é o quanto temos de gasto com um produto e/ou com todos os demais produtos que  se compõem e assim saber o valor total do que gastamos para mensurar o lucro que podemos ter ou que precisamos ter.

Espero que todos gostem.

Forte abraço e bom investimento à todos!
:wq!

Nenhum comentário:

Postar um comentário