Anuncios

sexta-feira, 18 de março de 2016

Economizar na crise? Vamos de software livre!!!



Boa noite pessoal.

Tudo bem?

Ainda hoje temos pessoas que não defendem o uso de software livre. Até aqui tudo bem.
O problema é usarem o discurso de que em caso de problemas, quem vai dar o suporte? Eu vou ter que esperar uma comunidade? Eu vou ficar sujeito a atualizações/alterações de pessoas que nem conheço?

Pois bem, não vou entrar nesse mérito pois cada um é livre (olha o termo liberdade aí rs) para escolher o que quiser e claro, com o que pode arcar ($$$).

Porém, em tempos dificeis muitas vezes nos deparamos com situações ou mesmo regras de companhias para que ajudemos no corte de gastos desnecessários, gastos com coisas superficiais, enfim, esperar as épocas de tormenta para lembrar que precisamos e podemos economizar.

E quando falamos em TI não é diferente.
Na maioria das vezes é neste departamento onde se inicia essa processo e onde existe mais cobrança para economizar e ver onde podemos trazer um save de dinheiro para companhia.

Agora fala para o seu chefe ou mesmo para o CEO da empresa que é possível econimizar se adotarmos alguns ou senão todos os softwares livre!

Voltam os questionamentos de acordo com o que falei àcima, suporte, confiança, etc.
Aí sobra para o time de TI ajudar a conversar com os fornecedores, migrar ambientes, compartilhar ambientes em um mesmo servidor, resumindo, está feita a salada mista dos ambientes.

É possível termos estabilidade com o uso de software livre, mesmo que seja nas estações de trabalho. Podemos criar um ambiente de trabalho tão bom quanto um com Windows.

Temos aplicativos para remote Desktop, SSH nativo, ferramentas de interface gráfica para transferência de arquivos, browsers que são os mais utilizados hoje em qualquer sistema operacional, ferramentas de texto, planilhas e apresentação, programas para configuração de e-mail.
Hoje também muitos fornecedores de soluções de armazenamento, virtualização, dentre outros, utilizam o HTML 5 para prover todos os acessos as respectivas consoles de gerência por navegador, dispensando a instalação de clientes em estações de trabalho.


Aplicações como para edição de imagem, arquivos de usuário na nuvem




Sistemas operacionais diferentes mas baseados no mesmo Kernel



Navegadores, clientes de e-mail


Programas de transferência de arquivos, escritório, emulador


Só neste pequenos parágrafo pude elencar muitas coisas que com certeza você assim como eu faz uso no seu dia-a-dia.

Se entrarmos nas camadas de servidores então ....
Podemos montar soluções talvez para os ambientes que não sejam tão críticos para a companhia com uma estrutura mais enxuta, com software semelhante, com uma base de kernel e estrutura parecida, uma configuração bem feita não teremos tantos problemas quanto imaginam.

E pensar que muitas vezes o que se arrisca é ficar preso na mão de um fornecedor e mesmo assim ficarmos com um ambiente indisponível.
Para mim isso parece muitas vezes a transferência de responsabilidade, de função.

Trazer uma tecnologia  para dentro de casa nos faz ter que trabalhar mais, pensar mais, desenhar mais, testar mais e claro assinar embaixo que atende ao que precisamos.

Uma aplicação bem desenvolvida, com uma quantidade de servidores bem configurados, com uma versão de SO estável e divulgada quanto à isso, servidores com hardware bem estruturado, espelhado ou mesmo espalhado por lugares distintos, podemos trazer uma efetiva alta disponibilidade, poder de processamento e com custo muitas vezes só do hadware.

Sei que estruturas como banco de dados, as versões free em relação as pagas tem uma certa diferença quanto recursos, parametrizações, mas como eu falei para ambientes que talvez se justifique e necessite deste tipo de banco de dados, faça sentido apenas neste você ter esse investimento. Sim neste caso se é algo que traz retorno para sua empresa é investimento e não gasto. (Eu prefiro encarar dessa forma).

Vamos colocar sempre as ideias em um papel, reuniões, estressar ao máximo isso e assim com uma apresentação embasada, com evidências, exemplos ganhar a confiança aos poucos.
Escolher ambientes que podem servir como um piloto é também válido e importante. Este ambiente pode ser apenas a porta de entrada.

Eu conheço empresas grandes, que sofrem auditoria de auditoras Americanas que fazem uso de software livre para tráfego de arquivos do Brasil para India sem ter algum problema de segurança e ainda com notificações de quanto é feito um input de arquivo novo, onde a checagem se encarrega de mandar o arquivo para o destino, notificar novamente, assim que é alterado ele faz o caminho de volta.

Vamos abrir mais espaço para o Pinguim pessoal!!!
Ele não quer tomar o lugar de ninguém, ele quer apenas ajudar no que ele fornece de melhor e ainda assim com muitos vezes um investimento que é um donativo para o projeto. É um valor escolhido por você para insentivar essa galera a continuar estudando e buscando uma melhora que no final irá voltar para você mesmo.

Hoje se falarmos de Web Server robusto para comportar vários acessos, solicitações, sessões, tempo de resposta, módulos, requisitos de segurança, dentre outras coisas, é sem dúvida que o Apache está muito à frente do IIS.
Claro que a peculiaridade quanto à isso fica também no sistema operacional que ele irá rodar. O Apache possui versões para Linux e Windows.
Minha recomendação por experiência.... Use no Linux.
Caso você queira usar no Windows vá em frente, mas esqueça muitas das funcionalidades, análise de logs e um correto funcionamento e interpretação junto ao sistema operacional.



Para os desenvolvedores, temos ferramentas como Eclipse, C, C++ e claro dentre outras também.

Resumindo, existe uma gama muito grande de recursos que podemos encontrar no linux ou simplesmente se falarmos de software livre no geral.
Vale a pena abrirmos nossas mentes e fecharmos nosso bolso principalmente quando falamos em economizar mediante à uma crise!

Espero que isso que falamos hoje faça com que todos parem um pouco e pense nisso e tentem investir mais tempo em soluções free, do que apenas transferir um problema para um determinado fornecedor.

Abraços e até mais!
:wq!

Nenhum comentário:

Postar um comentário